quarta-feira, 5 de novembro de 2008

ASSIM NÃO DÁ PARA AGUENTAR ! ! !

Tínhamos decidido voltar a postar apenas quando houvesse alguma novidade nos processos contra o cassado Miguel Haddad. Mas não tem quem aguente isso aqui. No Jornal de Jundiaí de hoje o Promotor de Justiça, Dr. Fauzi Hassan Choukr, disse que as 5 exonerações feitas pela prefeitura solucionaram a questão do nepotismo em Jundiaí. PELO AMOR DE DEUS; PELAS BARBAS DO PROFETA; PELO AMOR DE MEUS FILHINHOS. Eu não acredito. Não é possível que o promotor tenha acreditado em informações vindas do próprio poder executivo. Toda a cidade está careca de saber que existem muitos e muitos parentes de agentes públicos nomeados na prefeitura. E o que é pior: como nepotismo cruzado, ou seja, parentes de agentes do legislativo nomeados no executivo, o que compromete os dois poderes. A SÚMULA VINCULANTE DO SUPREMO TRIBUNAL FEDERAL NÃO ESTARIA SENDO DESOBEDECIDA EM JUNDIAÍ ? O promotor acha que está tudo resolvido. Todos nós, em alguns momentos de nossa vida, temos alguns segundos de loucura. Depois de ler a matéria, em meus segundos de loucura, pensei sobre como seria se tivéssemos o libanês Partido Hezbollah em atividade na cidade, com os homens bomba resolvendo todos os nossos problemas. Passados estes segundos de loucura, voltando ao normal, ficou apenas a revolta sobre o que li. Mas, apesar da revolta, gostaria de deixar aqui uma boa pergunta aos queridos blogueiros: Por onde andaria o outrora combativo promotor Claudemir Batalini ?

7 comentários:

Ricardo Melo disse...

Estou chegando aqui pela primeira vez só agora e por causa de um emeio/desabafo de Ricardo Giassetti, que tive a felicidade de receber.

Certo, sabemos que há vida inteligene e inconformismo em Jundiaí, mas estão bem escondidos, hem?

Vamos acompanhando mais essa novela...

Abraço.

Budu disse...

Tayar:
Por uma dessas raridades no meu pouco tempo disponível, hoje, 05/11/08, às 6:40, ouvi um comentário na Difusora e o mesmo foi ouvido na Cidade, às 6:50. Sabemos que os comentaristas são diferentes, mas, por essa e aquela aptidão para o furo jornalístico e obviedade serviçal, ambos opinaram exatamente a mesma coisa a respeito da greve dos garis. Rapaz, você precisa ouvir como latem os cachorros quando a caravana já vai longe!!

Anônimo disse...

PRECISAMOS DO MINISTÉRIO PÚBLICO ATENTO E ATUANTE. QUEM SABE UM DIA ALGUMA OPERAÇÃO FAMOSA DA POLÍCIA FEDERAL PASSE POR JUNDIAÍ E PUXE O FIO DESSE NOVELO EMARANHADO. AÍ SIM TODOS VAMOS SABER DA PODRIDÃO POR TRÁS DO GRANDE DESENVOLVIMENTO DE JUNDIAÍ.

Anônimo disse...

Pois é, Dr. Claudemir Batalini, de saudosa memória, por onde será que anda? O que será que aconteceu?

Anônimo disse...

Só 05! Isso não é possível, seria a desmoralização total da JUSTIÇA. O que está escrito são as palavras do reporter, certamente o Dr. Fauzi Hassan Choukr, vai rever e exigir mais demissôes. O bom seria o promotor demitir primeiro todos os 500 comissionados de uma só vez e depois permitir contratar somente os necessários. 200 tá bom.
GARANTO QUE NÃO FAZ FALTA NENHUMA, NEM MESMO O ARY, PODE SAIR TRANQÜILO, TRANQÜILO.

Anônimo disse...

acho que se chacoalharmos muitos membros do judiciario do estado de SP, vai voar pena azul pra todo lado.
ah, mais no judiciario deve ser assim mesmo, um emaranhado de rabos presos, muitas sentencas, muitos agrados e muitos amigos. salas comerciais, lanchas e casas na praia, são locais de belas paisagens e de grande alivio pra consciência, e outra, é aquele pensamento do vou fazer pq se não outro faria, já pensou vc andando na rua e o cara apontando e falando "olha, lá vai aquele babaca honesto",que isso, o grande barato é ser malandrão tirar proveito da situacão e encher o bolso de dinheiro, tá ligado mora!!!

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.