quarta-feira, 15 de julho de 2009

A VERDADEIRA FACE POLÍTICA DO PSDB ! ! ! ( III )

* " Uma transação envolvendo a Fundação Habitacional do Exército, a União e a empreiteira R.E. Construções e Empreendimentos Ltda., de propriedade de Riad Haddad, irmão do prefeito Miguel Haddad (PSDB), está sob investigação do Ministério Público Estadual por suposto favorecimento do irmão do prefeito. Assinaram este contrato as seguintes pessoas:

- Gen. Ex. CLÓVIS JACY BURMANN
( Fundação Habitacional do Exército )

- RIAD HADDAD e ÉDIO LUIZ COVESI
( R.E. Construções e Empreendimentos Ltda. )

- Gen. Bda. CÉLIO BEZERRA AGUIAR
( Diretoria de Obras Militares )

# T E S T E M U N H A S

- Gen. Bda. PEDRO CARVALHO DE ARAÚJO

- Dr. JOSÉ JAIR FERRARETTO
( Chefe de Gabinete do prefeito Miguel Haddad - PSDB ) "


( Jornal O Estado de São Paulo - 04/06/2000 )

13 comentários:

Anônimo disse...

Tayar: uma coisa a gente tem que reconhecer. A tucanada e seus assemelhados são bons no que fazem. Até os milicos entraram na deles (como se vê, tem gente de todo tipo em todo lugar). Os caras vendem geladeira prá esquimó. Fico aqui pensando e relembrando. O terreno da 2a Cia. Com., que entrou neste rolo, fez a alegria da esposa do falecido ex-secretário. Aliás, por onde anda a moça? Dizem que "enricou" numa certa negociação, disse adeus à miséria e foi cuidar da vida e da filha. Certa ela: quem rouba de ladrão tem 100 anos de perdão.E todo dia, quando tenho que pegar o ônibus do Situ, confesso que sinto uma ponta de inveja dela. Eita moça sortuda, sô! Conseguiu meter a mão numa parte do lucro -- diga-se de passagem, uma ínfima parte --, mas o suficiente para curtir a vida com tranquilidade.Ordinário, marche!!!

Anônimo disse...

A gente fica de longe vendo essas coisas e vem à lembrança o Stanislaw Ponte Preta, que dizia no seu mais puro tom de galhofa: "De tanto ver triunfar as nulidades resolvei fazer uma tentativa". No País dos espertalhões, come que senta à mesa. Na transformação da DAE em S/A que estava por perto (alguns secretários) viraram acionistas da empresa, em troca de módicos caraminguás. Pô, isso não tá certo. Também quero participar. Estou pensando em levar a sério a sugestão do Stanislaw Ponte Preta. Vou me inserir no Febeaju que assola Jundiaí. Febeaju: festival de besteiras que assolam Jundiaí, parafreseando e adaptando o falecido Stanislaw.

Anônimo disse...

E por falar em manchetes de jornais envolvendo a turminha, aqui vai uma do "Bom Dia" de 30 de junho de 2007: "Jundiaí só perde para SP em ações de irregularidades" - Processos de improbidade contra a Prefeitura somam R$ R$ 25,1 milhões. Jundiaí é a segunda colocada no ranking estadual de cidades com valores de ações de improbidade administrativa propostas pela Promotoria de Cidadania ...

Antonio Carlos disse...

Meu caro Anônimo das 19:31 não faça e nem pense en fazer uma barbaridade dessas.

Mantenha-se uma pessoa honesta e digna como você é hoje.

Direi o nome de um político com "P", maiúsculo.

Professor: Pedro Fávaro.

Anônimo disse...

Vamos votar nos vereadores de Jundiaí.


http://douglasyamagata.blogspot.com/

É fácil, é para escolher o "menos" atuante.

Vamos lá, mostrem disposição.

Bico de Lacre disse...

Um nunca vi fumando. Já o outro cheira, sim.

Anônimo disse...

Insider Trading
Somente possuir informações privilegiadas ou ter acesso a elas não caracteriza o insider trading. É necessário que delas se faça uso no mercado de valores mobiliários em proveito próprio ou de terceiros. É ilegal usar informações privilegiadas para obter ganhos no mercado financeiro. Desta forma, um diretor financeiro de uma determinada empresa não pode negociar no mercado de capitais ações da companhia que dirige com base em informações que não sejam públicas. Em geral, o insider trading aparece ligado aos mercados de ações, futuros e opções, justamente quando ocorre um negócio irregular feito por quem tem esta informação privilegiada ou foi orientado por insider.

No começo de vigência da Lei 6385/76 a CVM considerava como passíveis de cometer o insider trading os agentes descritos pelas Leis n.º 6404/76 e n.º 6385/76 listados acima. Mais especificamente era de responsabilidade do administrador evitar o insider trading, e ele seria acionado caso esse ilícito ocorresse. Isso porque o legislador teve o intuito de evitar que o investidor prejudicado ficasse sem saber a quem responsabilizar pelo dano que lhe foi causado. E ao administrador, uma vez responsabilizado, caberia posteriormente reclamar o que pagou a quem efetivamente praticou o insider trading (como estipula o art. 1524 do Código Civil: "o que ressarcir o dano causado por outrem, se este não for descendente seu, pode reaver daquele, por quem pagou, o que houver pago.").

Porém, ao publicar a Instrução CVM n.º 8 de 08.10.1978, a CVM estendeu aos intermediários e aos demais participantes do mercado a vedação do uso de prática não eqüitativa no mercado de valores mobiliários, que de acordo com a mesma instrução é "aquela de que resulte, direta ou indiretamente, efetiva ou potencialidade, um tratamento para qualquer das partes, em negociações com valores mobiliários, que a coloque em uma indevida posição de desequilíbrio ou desigualdade em face dos demais participantes da operação." E o insider trading nada mais é do que uma modalidade de prática não eqüitativa, já que coloca em posição superior aquele que possui as informações privilegiadas.

Anônimo disse...

Policia Federal

Delegacia de Campinas
DPF Antonio Pietro
Endereço:
Rua Bernardo José Sampaio, Nº 300 - Vila Itapura
CEP 13020-450
Fone:
(0xx-19) 3345-2200
Fax:
(19) 3739-2204
E-Mail:
dpf.cm.cas.srsp@dpf.gov.br

Anônimo disse...

Estou os olhos marejados. Alguém citou aí em cima o nome do Pedro Fávaro e me fez lembrar o velho professor com aquele seu jeitão simples, taciturno, calado e que não jogava conserva fora. O único político de Jundiaí que foi duas vezes prefeito e continuou pobre, andando de Corcelzinbo azul e que morreu certamente triste ao ver que o seu exemplo (em termos de seriedade e respeito à coisa pública)não ser seguido pelo novas gerações de políticos da terrinha de Petronilha.
Que saudade do professor Pedro Fávaro, tão criticado por ser centralizador e por não ter muitas papas na lingua. Hoje dá prá gente perceber nitidamente, ao ver a atuação dos nossos gestores municipais e da colenda edilícia, que com Fávaro a gente era feliz e não sabia. Lembro do dia em que, durante uma solenidade e depois de muitos anos afastado da lide política, Pedro Fávaro pegou o micorofne e, indignado com atitudes com as quais não concordava, desceu a lenha num monte de gente. Bateu pesado, cheio de razão, indignação e tristeza. Foi aplaudido de pé. Lembrando de Pedro Fávaro afirmo com toda a certeza: já não se faz mais em Jundiaí políticos como antigamente. Que Deus o tenha! (Pausa, pois estou começando a chorar...)

Anônimo disse...

PARECE QUE EXISTE UM CONTRATO VELADO ENTRE OS BLOGUEIROS DESTE BLOG PARA O ANONIMATO, SÓ POR ISTO SENHOR MODERADOR ASSINALO ESTA OPCAO.
ESPERO QUE A REGRA DO MODERADOR NAO SEJA VETAR COMENTARIOS SOBRE "COMENTARIOS DA DONA PRISCILA" POIS FIZ UMA SUPLICA AO SENHOR E NAO POSTOU!
TENTO MAIS UMA VEZ O RECADO VETADO: PELAMORDEUS SENHOR CESAR, TROQUE MAILS COM A DNA PRISCILA, RECOMENDE GRUPO DE AUTO AJUDA OU DE A ATENCAO QUE ELA PEDE, MAS NOS SALVE DE SUAS CATARSES PROLIXAS!
QUEM SABE O BLOG PASSE A SER MAIS VISITADO E RESPONDIDO.

Antonio Carlos disse...

Meu caro Anônimo respeito a sua condição de Anônimo, aceito o seu cometário como reforço do meu e reafirmo que o Professor Pedro Fávaro foi e deve continuar sendo exemplo de Político com "P" maiúsculo.

Pedro Fávaro, ser humano dígno!

Priscila disse...

BVEM CARO ANONIMO NÃO PRECIÇO E NUNCA IREI PRECISAR DE AUTO AJUDA SOU MULHER PARA TANTO AQUI DAR MEU NOME E ATÉ SE QUISER MARCAR UM ENCONTRO LHE PROVAR COM QUANTOS PAUS SE FAZ UMA CANOA.Tenho 3 filhos e até hoje ninguém me perguntou se sou louca ou precisava de ajuda .Tem razão preciso sim de ajuda ou seja aquela que pessoas como você jamais serão capaz de me dar.RESPEITO CONSEIDERAÇÃO AMOR AO PRÓXIMO ETC..QUANTO AO DINHEIRO SE QUISER TENHO PARA LHE DAR POIS ESSE PAGARIA ESSA AJUDA QUE VC ME SUGERE COMO TUDO TEM PREÇO. Mas AGRADEÇO.

Priscila disse...

Há usa palavras mais chulas pois sou burrinha para entender e se for corajoso ou mais homem que eu de seu nome que daí te respeitarei pois posso estar perdendo tempo com um mala qualquer.