quarta-feira, 1 de abril de 2009

ORQUESTRA DO JJ CONTRA PEDRO BIGARDI ! ! !

O Jornal de Jundiaí, em uma postura profundamente lamentável, tem estimulado, nas entre linhas, que o PT entre com recurso para retirar a vaga do Deputado Estadual Pedro Bigardi. Hoje uma grande matéria foi publicada no diário neste sentido. Assim sendo, o dito jornal parece gostar da idéia de a região não ter deputado nenhum pois, desta forma, estaria agradando os coronéis tucanos da cidade que querem retirar Bigardi da Assembléia Legislativa de qualquer forma. Este é o jornalismo que o veículo faz em Jundiaí. Para favorecerem aos poderosos que destinam a verba de publicidade pública para o jornal, trabalham para causar um enorme prejuízo para toda a região. É claro que, além de agradarem aos poderosos, demonstram, também, a gratidão pela nomeação da esposa do editor chefe Sidney Mazzoni em um cargo de confiança na Secretaria Municipal de Cultura. Enfim, na época em que o Jornal de Jundiaí chamava-se A Folha e pertencia ao Círculo Operário Jundiaiense, isso não acontecia, já que era dirigido, com amor à cidade, pelo saudoso Padre Adalberto de Paula Nunes.

16 comentários:

Tio disse...

Mas é o que estou dizendo faz tempo o nosso querido Sidney,que se beneficia duas vezes com dinheiro público: 1º no cargo de Editor Chefe de um Jornal com tiragem pífia e 2º com os proventos de sua mulher em cargo público pago, também por nós. Este senhor vem fazendo campanha sistemática para que o Partido dos Trabalhadores, entre em batalha contra o Pedro Bigardi, inclusive citando nominalmente: Sartori e Carlos Neder como se tivesse grande intimidade com os mesmos.

Se é justo que o PT, lute pela vaga que o PT decida.

Deixe JUNDIAÍ EM PAZ, sem sua nefasta influência.

Nós já temos muitos candidatos à DEUS, pos favor cuide do Jornal que está bom.

por ai.. disse...

Pois é Tayar..

Seria bom que o Pedro saísse de lá mesmo. Assumindo logo seu lugar em Jund e tirando a cidade da mafia

Anônimo disse...

Gente: hora de espalhar as caras do Mazzoni e da esposa-paçoca pra todos os blogs e imprensa do pais. Quridos blogueiros, mãos a obra!

Anônimo disse...

TRECHO DA ENTREVISTA PUBLICADA NO JJ SOBRE A ENTREVISTA DO DEPUTADO RUY FALCÃO DO PT:
"Sobre a falta de um deputado para a Região de Jundiaí - Bigardi é o único, nas esferas estadual e federal - o líder petista avalia que "são eleitos por todo o Estado e, por isso, não trabalham apenas por um local". "Ele (Neder) também vai trabalhar por Jundiaí. E complementa: "Se Bigardi não tivesse deixado o PT, hoje Jundiaí teria um deputado".
Perguntado sobre a relação que mantém com o comunista, ele aponta que existe um "tratamento de cordialidade."
AÍ EU PERGUNTO CADÊ TODOS OS DEPUTADOS ELEITOS INCLUSIVE OS DO PT QUE TIVERAM MUITOS VOTOS EM JUNDIAÍ? O QUE FIZEERAM POR JUNDIAI?
NAQUELA ELEIÇÃO SE O PARTIDO TIVESSE APOIADO O BIGARDI ELE TERIA SIDO ELEITO DIRETO.
QUANTO A INTENÇÃO DO PT DE BRIGAR PELA CADEIRA OCUPADA PELO PEDRO BIGARDI, SE VIER ACONTECER SERÁ UM LONGO EMBATE JURÍDICO E O BIGARDI CERTAMENTE SAIRÁ VITORIOSO POIS SUA SAÍDA DO PARTIDO FOI POR MOTIVO JUSTIFICADO COMO EXIGE A LEI ELEITORAL E QUE PODERRÁ SER PROVADO NOS AUTOS.

MALUKINHA disse...

ESSE JORNALIXO TÁ COM DIAS CONTADOS...
LEI DA IMPRENSA...BOAS NOVAS.
Lei da Imprensa:Ministro do STF vota por revogação
Ministro do STF vota a favor da revogação total da Lei de Imprensa


O ministro-relator da ação que julga a Lei de Imprensa no STF (Supremo Tribunal Federal), Carlos Ayres Britto, votou pela revogação total da lei. Apenas o relator votou na sessão desta quarta-feira (1º) no Supremo. O julgamento foi adiado para o próximo dia 15, quando os outros ministros apresentam seus votos. O ministro Eros Grau, porém, já revelou que seguirá o voto de Ayres Britto.

O relator considera que a Lei de Imprensa (lei 5.250) "está toda contaminada em face à Constituição". "Ela é materialmente contrária à Constituição de ponta a ponta. Então é preciso o abate total da lei. Na minha opinião, ela é julgada como não recebida pela Constituição de ponta a ponta. Agora, se os ministros entenderem de fazer o exame fatiado, dispositivo por dispositivo, eu tenho outro voto pronto", acrescentou.

No voto apresentado nesta quarta, Ayres Britto ressaltou que só a ideia de uma lei de imprensa "soaria aos ouvidos de todo e qualquer operador do direito como inescondível tentativa de embaraçar, restringir, dificultar, represar, inibir" a liberdade prevista na Constituição Federal.

O pedido de suspensão de toda a lei consta da ação assinada pelo deputado federal Miro Teixeira (PDT-RJ). Para ele, os dois votos de hoje (considerando também a manifestação do ministro Eros Grau) "são bons".

Na primeira análise do caso, em fevereiro do ano passado, o relator havia suspendido provisoriamente 20 dos 77 artigos da lei, decisão que depois foi referendada pelo plenário.

Entre os artigos que foram suspensos no ano passado estão dispositivos relacionados às punições previstas para os crimes de calúnia e difamação. No primeiro caso, a Lei de Imprensa estabelece pena de seis meses a três anos de detenção, enquanto no Código Penal o período máximo de detenção é de dois anos. 07:27 (1 minuto atrás) excluir Ro...
Também foram alvo da decisão artigos relativos à responsabilidade civil do jornalista e da empresa que explora o meio de informação ou divulgação. Com a suspensão, os juízes de todo o país ficaram autorizados a utilizar, quando cabíveis, regras dos Códigos Penal e Civil para julgar processos relacionados aos dispositivos que foram suspensos.
Defesa
A defesa argumenta que a lei "não serve para a solução de conflitos; serve para intimidar". E que, aprovada em 1967, ela iria "contra o Estado Democrático de Direito" em vigor desde 1988, com a promulgação da atual Constituição.
O deputado Miro Teixeira afirmou hoje, durante o julgamento, que não defende a possibilidade de ser violentada a vida pessoal dos indivíduos, mas sim o direito do povo à manifestação do pensamento e o direito à informação. "Não é uma luta em nome do repórter, ou do dono do jornal, mas em nome do povo". Teixeira defendeu que a lei fosse banida para que "o povo possa controlar o Estado e não o Estado controlar o povo".
O deputado afirmou ainda que o fim da lei vai acabar com "a possibilidade de aplicação de pena ao jornalista e ao responsável da publicação sempre que houver uma relação de causalidade entre a notícia e o direito do povo".
Nova lei
Entidades ligadas ao tema defendem a elaboração de uma nova Lei de Imprensa. O presidente da Fenaj (Federação Nacional dos Jornalistas), Sérgio de Andrade, lembra que há um projeto de lei em tramitação há 11 anos na Câmara dos Deputados que traz uma legislação específica para o setor.
"Entre outras coisas, o projeto determina a necessidade de ouvidoria, já que é um serviço público, a identificação de propaganda, para diferenciá-la de material editorial, o que é necessário para registrar uma empresa jornalística, que tem outras especificidades", cita.
A ANJ (Associação Nacional de Jornais) também se manifestou a favor de uma nova legislação que preveja direito de resposta e também impeça a censura prévia. 07:29 (0 minutos atrás) excluir Ro...
Exigência do diploma
O julgamento sobre a exigência de diploma para jornalistas, que estava previsto para a sessão de hoje, deverá ocorrer apenas após a conclusão da análise sobre a Lei de Imprensa.
O recurso extraordinário que será julgado tem como relator o presidente Gilmar Mendes. A ação foi apresentada pelo Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão no Estado de São Paulo e pelo Ministério Público Federal, contrários à exigência de formação superior.
Em novembro de 2006, o Supremo garantiu o exercício da atividade jornalística aos que já atuavam na profissão mesmo sem registro no Ministério do Trabalho ou diploma de curso superior na área.
http://noticias.uol.com.br/cotidiano/2009/04/01/ult5772u3452.jhtm
A ação foi apresentada pelo Sindicato das Empresas de Rádio e Televisão no Estado de São Paulo e pelo Ministério Público Federal, contrários à exigência de formação superior
Será quem que vai reembolsar aqueles que pagaram 4 anos de formação em instituições particulares para terem o diploma antes e até então exigido?

Anônimo disse...

Eu acho que o paçoca,faz essas cagadas no xota-xota,de propósito,só prá levar enrrabada dos bloguistas,O gajo deve ser considerado o "picolé" mais doce do blog "SÓ LEVA CHUPADA"

PRISCILA disse...

Bem cesar,de uma coisa pode ter certeza,o mal é um fungo que se prolifera com o tempo germina e suas raízes tentam se a segurar de qualquer forma a um corpo e assim manter sua existência.

Não é fácil extermina-lo mas também não é impossível.

Como o fungo que é proveniente de algo podre e estragado um dia acaba indo para o lixo exterminado.E ESSE FUNGO POLITICO QUE SE INSTALOU EM NOSSA CIDADE UM DIA TERÁ O MESMO FIM SÓ QUE PARA ISSO ESTÃO RELUTANDO EM PERSEGUIR O SENHOR PEDRO QUE É UMA DAS ARMAS MAIS FORTES CONTRA ESSA MASSA FÉTIDA.

SERÁ QUE NÃO SENTEM VERGONHAS DOS FILHOS OU VICE VERSA.OU SERÁ QUE TODA FAMILIA É CIRCULO DE AMIGOS SÃO CÚMPLICES,CLARO QUEM NÃO QUER UMA BOQUINHA.

E MAIS O SER HUMANO É TÃO FÚTIL E TOLO QUE ACHA ENGRANDECEDOR QUANDO DIZEM HÁ SOU AMIGO DO DR° FULANO DE TAL,MAS QUANDO DIZEM EU SOU AMIGO DO ZÉ DAS COUVES QUEM? NÃO CONHEÇO.

NÃO DÁ ESTATUS.

JÁ DISSE A VOCÊS CALMA TUDO A SEU TEMPO SERÁ QUE É PARA SER COMO QUEREMOS,TUDO TEM UM PORQUE.

Anônimo disse...

Vice prefeito socio de escritorio de advocacia,assessor juridico da camara, socio do mesmo escritorio e casado com juiza filha de ex comandante da gm,que bela receita de ideoniedade e moral??????

PRISCILA disse...

Cara que legal CRISTIANO LOPES CORRIA EM UMA ÉPOCA EM QUE EU ERA DA FILA DO GARGAREJO TENHO FOTOS DAS CORRIDAS,FÃ rodney smith e eduardo sasaki jorge negretti.
Dona margareti já tem pompa de 1ª dama pois o primeiro quesito já o tem,HUMILDADE.

Comunista do PCdoB disse...

Você perdeu minha mensagem que mandei às 7 da manhã?

cesar tayar disse...

Não recebi mensagem sua amigão. Se mandou e não publiquei é porque não chegou. Por gentileza mande de novo.

Tio disse...

O Paçocão Sifu, fez terrorismo em um dia e teve que pulblicar logo em seguida.

FIM DA NOVELA?
TSE confirma Bigardi na cadeira de deputado

Bem feito, quem manda ser boca aberta. E ainda quem atendeu o Pedro do metido a sabe tudo.

Tio disse...

O Paçocão sifu novamente agora para variar de novo com o lula.

REUNIÃO DO G20
2/4/2009
Lula "é o cara", diz Obama em Londres.

Não tem jeito, para de falar de política, até o seu comparsa Fadigatto já te avisou. Sai dessa.

Tio disse...

Não tem jeito o Paçoca, pode deixar comigo, ele escreve lá eu rebato aqui, o cara é fraco demais.

Vamos partir para os vereadores, algué dá a dica.

Priscila disse...

DE QUEM O ANÔNIMO TÁ FALANDO QUEM É O VICE SÓCIO DA FILHA DO QUERIDO AMIGO JÔ,JÕ?SERIA ESSE CESAR?

Anônimo disse...

Vale lembrar que o assessor jurídico da Câmara Municipal foi NOMEADO (não é concursado) pelo vice-prefeito, seu sócio, quando este era presidente da Câmara.